A Aprendizagem de Matemática por Alunos Adolescentes na Modalidade Educação de Jovens e Adultos: analisando as dificuldades na resolução de problemas de estrutura aditiva

  • Simone Queiroz Escola Estadual Regueira Costa
  • Mônica Lins UFPE e UFRPE
Palavras-chave: EJA adolescente. Estrutura Aditiva. Problemas Aritméticos. Erros no cálculo Relacional e Numérico.

Resumo

Este estudo investigou os conhecimentos adquiridos por um grupo de alunos adolescentes, que frequentam a modalidade de Educação de Jovens e Adultos em uma escola pública estadual na cidade de Recife/PE, buscando identificar as dificuldades que de alguma forma os impediam de avançar em seus estudos, e que dificultam o seu ingresso no mercado de trabalho. A partir do referencial teórico de Gerárd Vergnaud, elaboramos uma lista com problemas envolvendo as estruturas aditivas, e aplicamos coletivamente na sala de aula. Constatamos que esses alunos apresentaram dificuldades também encontradas nas pesquisas de outros autores (SELVA; BRANDÃO, 2000; MAGINA et. al., 2001; BORBA; SANTOS, 1997) com alunos da educação infantil e ensino fundamental do ensino regular. Todavia, os alunos adolescentes de EJA, desta pesquisa, mesmo conseguindo compreender os problemas (cálculo relacional), não conseguiam algumas vezes executar o cálculo numérico, apresentando os seguintes erros: erro de inversão, supremacia do zero, decomposição e composição e zero neutro. Palavras-chave: EJA adolescente. Estrutura Aditiva. Problemas Aritméticos. Erros no cálculo Relacional e Numérico. The Learning Mathematics for Students Teen in Mode Young and Adults Education: analyzing the difficulties in solving problems of additive structure Abstract This paper relates a research about the knowledge of a group of teenagers in EJA classes (a special brasilian educational structure for adults), seeking to identify the difficulties that somehow prevented them from advancing in their studies, and inhibiting their entry into the labor market. We applied a list of problems involving the additive structures. Analysing the results we could detect that these students showed the same difficulties discussed by other authors (SELVA; BRANDÃO, 2000; MAGINA et. al., 2001; BORBA; SANTOS, 1997) when taking in account students of other educational grades and courses. However, our research concludes that teenagers - in these adult education courses - sometimes perform the numerical calculation with some mistakes related to inversion, decomposition and composition, and misunderstandings about the properties of the number zero. Keywords: EJA teenager. Additive Structure. Arithmetics. Errors.

Biografia do Autor

Simone Queiroz, Escola Estadual Regueira Costa
Mestre em Ensino das Ciências pela Universidade Federal Rural de Pernambuco/UFRPE e professora da Escola Estadual Regueira Costa. Endereço para correspondência: Rua Regueira Costa s/n – Rosarinho. CEP: 52041-050 - Recife – PE – Brasil. E-mail: simonemq@hotmail.com.
Mônica Lins, UFPE e UFRPE
Doutora em Psicologia Cognitiva pela Universidade Federal de Pernambuco/UFPE e professora adjunta da Universidade Federal Rural de Pernambuco/UFRPE, do Programa de Pós-Graduação em Ensino das Ciências e Matemática/PPGEC/UFRPE, LAPPEM. Endereço: Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências. Universidade Federal Rural de Pernambuco. Endereço para correspondência: Rua Dom Manoel de Medeiros s/n - Dois Irmãos. CEP: 52171-900 - Recife – PE – Brasil. E-mail: monlins@terra.com.br
Seção
ARTIGOS