Refletindo Sobre o PIBID em Tempos de Desprofissionalização Docente

  • Carla Quintanilha Corrêa Instituto Superior de Educação Professor Aldo Muylaert (ISEPAM)
Palavras-chave: formação inicial de professores, desprofissionalização docente, PIBID

Resumo

O trabalho aborda o contexto atual da docência no país, destacando as dificuldades enfrentadas pelos professores no exercício da sua profissão, geradas pelas políticas de alcance de resultados através de testes nacionais padronizados. Diante disto, muitos professores vêm sentindo a perda da autonomia e identidade profissional, resultando no fenômeno da desprofissionalização docente. Neste contexto, objetiva-se refletir sobre a política pública de incentivo à formação inicial de professores, o PIBIB (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência), que concede bolsas a licenciandos para exercerem atividades pedagógicas em escolas públicas de educação básica, sob a supervisão de um professor do ensino superior e outro da escola. Apresenta-se uma reflexão teórica, baseada em Françoise Lantheaume, Claude Lessard, Christian Maroy, Marli André, Bernadete Gatti, dentre outros autores, sobre a complexificação do trabalho docente e a participação do licenciando no cotidiano da escola de educação básica. Aponta-se que o PIBID pode contribuir para a formação crítica dos novos professores diante das políticas de eficácia, amplamente divulgadas e referendadas pelo poder público.

Biografia do Autor

Carla Quintanilha Corrêa, Instituto Superior de Educação Professor Aldo Muylaert (ISEPAM)
Professora do Curso de Licenciatura em Pedagogia do ISEPAM
Publicado
2016-04-29
Seção
Artigos