NEOLIBERALISMO URBICIDA: A “CRISE” PRODUZIDA NA IN-SEGURANÇA PÚBLICA DO ESPÍRITO SANTO – BRASIL

  • Márcio José Mendonça Universidade Federal do Espírito Santo - Ufes
  • Cláudio Luiz Zanotelli Prof. Dr. da Universidade Federal do Espírito Santo

Resumo

O artigo reflete sobre o fenômeno do urbicídio que emergiu durante a crise da segurança pública no estado do Espírito Santo, em fevereiro de 2017, quando a Polícia Militar entrou em greve. Demonstra-se que a análise da violência política desencadeada durante a paralisação da polícia não deve ficar restrita a um enfoque episódico, centrado no estereótipo do banditismo, mas, sim, evidenciar a operacionalização da violência orientada por interesses políticos que foram induzidos contra o espaço urbano e grupos específicos, vistos a partir do cenário de militarização da cidade, do desmonte do Estado conduzido pelo governo local e por uma política de segurança pública fracassada e que se pauta, em muitas de suas intervenções, pela violência. O artigo ainda demonstra que o conceito de urbicídio pode ser empregado em análises em que não se verifica destruição completa do ambiente construído da cidade.

Publicado
2020-04-30
Seção
Artigos