Educação Matemática, Multiculturalismo e Preconceitos: que homem é tomado como medida de todos os outros?

  • Wanderleya Nara Gonçalves Costa Universidade Federal de Mato Grosso
  • Kátia Cristina de Menezes Domingues Faculdade Estadual de São Paulo

Resumo

Esse trabalho aborda diferentes expressões de multiculturalismo que se fazem presentes em vários setores da sociedade, inclusive na escola. Aponta relações de poder que existem num espaço multicultural, em especial no ambiente escolar, e enfoca o uso de pesquisas científicas como suporte a ideologias discriminatórias que se baseiam em preconceitos. A partir de um exemplo no contexto indígena, é questionada a valorização de um tipo de racionalidade e conhecimento matemático em detrimento de outros e é ilustrada a importância de se realizarem pesquisas científicas que revelem e valorizem diferentes modos de pensar e matematizar. Finalmente ressalta-se o fato de que a luta dos afro-brasileiros pelo reconhecimento da especificidade e valor de seus conhecimentos, de matriz africana, tem ecoado ainda de forma incipiente na Educação Matemática brasileira. Palavras-chave: Multiculturalismo. Preconceitos. Etnomatemática Indígena. Afro-brasileiros.
Publicado
2008-10-20
Seção
ARTIGOS