O ENSINO DE GEOGRAFIA NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO INSTITUTO FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO – CAMPUS PATROCÍNIO-MG

Resumo

O objetivo geral é compreender o processo de ensino-aprendizagem da disciplina Geografia, voltado para uma estudante que apresenta deficiência visual como necessidade educacional específica, por meio da utilização de tecnologias assistivas, no Instituto Federal do Triângulo Mineiro, campus Patrocínio - MG. O foco metodológico da pesquisa está pautado na fenomenologia, na observação situada e na abordagem qualitativa descritiva, bem como aplicação de procedimentos metodológicos. Os resultados evidenciaram que a confecção de materiais didáticos foi destinada para uma facilitar e potencializar o ensino-aprendizagem de uma aluna com deficiência visual, e promover a inclusão da tecnologia assistivas na educação geográfica. Para tanto, foram produzidos mapas táteis e maquetes das placas tectônicas, biomas e formações vegetais e circulação geral da atmosfera, visando estimular a percepção integrada da paisagem. A confecção dos mapas passa pela conversão/aquisição em meio digital e sua impressão em papel tamanho A3, com alto relevo produzido com a utilização de materiais como tinta, barbante, cola, grãos etc. Portanto, a utilização de mapas táteis, de maquetes, experimentos, que se compõem as tecnologias assistivas proporcionam melhor qualidade no processo de ensino-aprendizagem da Geografia, sobretudo na perspectiva da educação inclusiva e na inclusão de pessoas com deficiência visual.

Publicado
2021-11-22
Seção
Artigos