DESENVOLVIMENTO INTEGRADO E GESTÃO PARA A BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO CORUMBATAÍ

  • Shirley Cristina dos Santos Faculdade de Primavera / SP
  • Gilberto José Garcia Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista – UNESP

Resumo

A decisão por se estudar o processo de desenvolvimento regional tomando como base uma Bacia Hidrográfica decorre do fato da mesma ser considerada, por vários autores, como a principal unidade de análise e gerenciamento, tanto no âmbito ambiental como econômico e social. Desta forma, por meio do estudo em uma Bacia Hidrográfica com vistas à gestão podem-se distinguir vários objetivos, tais como o desenvolvimento econômico, a eqüidade social, econômica e ambiental e, a sustentabilidade ambiental. Sendo assim, o objetivo principal é analisar os fatores condicionantes do desenvolvimento com a finalidade de definir diretrizes sócio-econômicas e ambientais visando o Planejamento e a Gestão Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio Corumbataí. Palavras Chave : Gestão Ambiental - Bacia Hidrográfica - Políticas Públicas

Biografia do Autor

Shirley Cristina dos Santos, Faculdade de Primavera / SP
Geógrafa. Mestre e Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Geociências. Docente e Coordenadora do Curso de Tecnologia em Gerenciamento Ambiental da Faculdade de Primavera / SP.
Gilberto José Garcia, Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista – UNESP
Professor Titular e Pesquisar Voluntário junto ao Centro de Análise e Planejamento Ambiental (CEAPLA) do Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista – UNESP, Campus de Rio Claro.
Publicado
2007-04-04
Seção
Artigos