GESTÃO EDUCATIVA DO TURISMO: FUNDAMENTOS DE UMA CIDADANIA EMANCIPADORA

  • Christian Dennys Monteiro Oliveira UFC
  • José Maclécio de Sousa UFC

Resumo

O presente trabalho foi desenvolvido a partir de uma amostragem de escolas públicas do estado do Ceará, envolvendo 12 municípios em 8 diferentes regiões do estado, com polarização administrativa e presença de atrativos turísticos. Procurou evidenciar as razões de uma dinâmica tão descontínua para a realização de viagens técnicas escolares. Tal atividade pedagógica continua sendo tratada como trabalho “extraordinário” ou complementar. Os objetivos da pesquisa mostram padrões de turismo educativo realizados pelas escolas em suas práticas de intercambio. Fundamentamos o trabalho na perspectiva do planejamento integral e na compreensão transdisciplinar do Turismo. A metodologia de investigação exploratória contou com pesquisa documental e entrevistas de gestores de escolas em colégios da região metropolitana. Nos municípios interioranos, o levantamento deu-se junto aos orientadores das Coordenadorias regionais da Secretaria de Educação. Os principais resultados do trabalho, até aqui, evidenciam uma prática limitada pela resistência da formação docente e pela insensibilidade relativa dos da gestão pública da educação, que não privilegia o acesso turístico dos educandos como uma estratégia de cidadania emancipadora.
Publicado
2012-09-05
Seção
Artigos