RIZICULTURA E POLUIÇÃO POR METAIS PESADOS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO D’UNA, SC.

  • Sandra Maria de Arruda FURTADO UFSC
  • Luiz Fernando SCHEIBE UFSC
  • Lilian Jussara LOPES UFSC

Resumo

O cultivo de arroz irrigado ocupa grandes áreas na zona costeira do Estado de Santa Catarina e constitui uma importante atividade econômica, mas gera também muitos problemas no tocante ao uso do solo e dos recursos hídricos. Este é o caso da Bacia Hidrográfica do Rio D’Una, palco de conflitos entre os rizicultores e a população de Imbituba, cujo abastecimento provém do mesmo rio, e com os pescadores do complexo lagunar, onde o Rio D’Una desemboca. Com o objetivo de determinar o comprometimento das águas superficiais pela rizicultura, foram analisados metais em amostras coletadas em dois períodos: o de entre safra e com baixa precipitação pluviométrica, e o de esgotamento da água dos quadros, que antecede à colheita do arroz. Os resultados mostram altos valores para metais, especialmente Zn, Pb, Ni, Co, Cu e Cd, nas águas com influência da cultura de arroz, inclusive onde ocorre a captação para abastecimento da cidade de Imbituba. Palavras Chave: Rizicultura, Contaminação da Água.
Publicado
2009-09-01
Seção
Artigos