AVALIAÇÃO DOS VALORES DE ERRO DO MODELO LINEAR DE MISTURA ESPECTRAL EM IMAGENS ETM+/LANDSAT 7 A PARTIR DE REAMOSTRAGENS PELO VIZINHO MAIS PRÓXIMO E CONVOLUÇÃO CÚBICA

Evaluation of the error values of the spectral mixture linear model in ETM+/Landsat 7 images from research by the nearest neighborhood and cubic convolution

  • Guilherme Zavatti CECCATO Universidade Federal de Viçosa (UFV-MG)
  • Nilcilene das Graças MEDEIROS Universidade Federal de Viçosa (UFV-MG)
  • José Marinaldo GLERIANI Universidade Federal de Viçosa (UFV-MG)
  • Julio Cesar de OLIVEIRA Universidade Federal de Viçosa

Resumo

Este trabalho comparou a influência de duas reamostragens em imagens orbitais usando o modelo linear de mistura espectral. A cena ETM+/Landsat 7, originalmente, disponibilizada pelo método do vizinho mais próximo, teve sua reamostragem alterada para convolução cúbica, incitando se essa alteração, em face da mudança dos valores de números digitais, influenciaria na classificação das imagens. Foram extraídas 30 amostras aleatórias e 30 amostras manuais das áreas de transição das frações nas imagens erro (B3, B4 e B5) de cada modelo resultante, e aplicou-se o teste t de Student pareado para médias. Os resultados estatísticos comprovaram, que não existem evidências suficientes, a um nível de significância de 5%, de que a média dos valores de erro das imagens geradas pelos dois métodos de reamostragem no modelo linear de mistura espectral são diferentes, indicando que a aplicação do modelo e da análise de suas frações para futuras classificações não serão influenciadas utilizando-se desta metodologia. Ademais, a classificação supervisionada das imagens e das frações, para ambas reamostragens, constataram que por meio da matriz de confusão, com média de 99% de exatidão global, as classificações são praticamente idênticas, legitimando que a aplicação de diferentes reamostragens, por meio desta metodologia, não influenciaram na cartografia final.

Publicado
2021-10-18