ANÁLISE TEMPORAL DA SILVICULTURA NO SUDESTE DO RIO GRANDE DO SUL

  • Aline Biasoli TRENTIM UFRGS
  • Dejanira Luderitz SALDANHA UFRGS
  • Tatiana Mora KUPLICH Centro Regional Sul de Pesquisas Espaciais

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi analisar a expansão da silvicultura no sudeste do Rio Grande do Sul por meio de uma série temporal de imagens orbitais Landsat. Para isso, foram obtidas imagens do satélite Landsat 5 (sensor Thematic Mapper) correspondentes a quatro datas (1986, 1998, 2006 e 2011). As imagens foram inseridas no aplicativo SPRING onde foi realizada a interpreta ção visual das imagens. A partir da classificação das imagens das diferentes datas (1986- 2011), foi possível verificar um aumento de 57.829 ha de áreas destinadas à silvicultura (incluindo plantios de eucalipto, pinus e acácia-negra). Com este resultado, conclui-se que a utilização de imagens de sensoriamento remoto mostra-se como uma ferramenta eficaz para análise da dinâmica espacial de áreas de silvicultura, corroborando o aumento desta prática de manejo florestal no RS
Publicado
2015-07-20
Seção
Artigos

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)