ANÁLISE TEMPORAL E ESPACIAL DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DA REVISTA GEOGRAFIA (RIO CLARO)

  • Pedro Augusto Breda FONTÃO Universidade Federal do Paraná (UFPR) https://orcid.org/0000-0002-7293-2742
  • Marcelo Alves TEODORO Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IGCE/UNESP) – campus Rio Claro-SP.
  • Jonatan Alexandre de OLIVEIRA Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IGCE/UNESP) – campus Rio Claro-SP.

Resumo

O presente artigo procurou realizar uma análise espaço-temporal da produção bibliográfica dos artigos publicados na Revista Geografia entre os anos de 1976 e 2019 (44 anos). O intuito foi gerar subsídios para avaliar a dinâmica e a frequência da produção científica na Geografia por áreas temáticas a fim de verificar a distribuição espacial e a origem do conhecimento produzido em nível nacional e regional. Para tanto, utilizou-se como base o acervo completo da Revista para realizar a leitura e avaliação empírica dos artigos, distribuídos por áreas de investigação da Geografia e na origem institucional dos autores. Dessa forma, foram elaborados gráficos e mapas de distribuição e intensidade buscando subsidiar a análise da produção acadêmica do periódico. Os resultados evidenciaram a regularidade e a frequência dos diversos temas na área da Geografia Física e Humana abordados ao longo do tempo e a intensa heterogeneidade espacial da produção científica, em maior parcela originada em instituições localizadas nas principais cidades do centro-sul brasileiro.

Biografia do Autor

Pedro Augusto Breda FONTÃO, Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Professor Adjunto no Departamento de Geografia do Setor de Ciências da Terra (CT/DGEOG)
da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Marcelo Alves TEODORO, Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IGCE/UNESP) – campus Rio Claro-SP.

Doutorando em Geografia pela Universidade Estadual Paulista - UNESP/Câmpus Rio Claro (2019). Mestre em Geografia pela Universidade Estadual Paulista - UNESP/Câmpus Rio Claro (2016). Graduado em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia na Faculdade de Ciências Integradas do Pontal - UFU com habilitação em licenciatura e bacharelado (2013). Tem experiência nas áreas de: Circuito Espacial Produtivo; Especialização Territorial Produtiva no Agronegócio; Setor Sucroenergético; Conjuntura Política e Econômica; Políticas Públicas; Uso do território e Centralização de Capital. Integra o Laboratório de Geopolítica, Análise Regional e Teoria Social Crítica (GEOMUNDI/UNESP/Rio Claro).

Jonatan Alexandre de OLIVEIRA, Doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Geociências e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IGCE/UNESP) – campus Rio Claro-SP.

Doutorado em Geografia com ênfase em Avaliação de Políticas Públicas, pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP/Rio Claro / SP e Estágio de doutoramento Universidade de Lisboa/Portugal. Mestrado em Geografia com ênfase em Avaliação de Políticas Públicas, pela Universidade Estadual Paulista, Júlio de Mesquita Filho, UNESP/Rio Claro/SP. Graduação em Geografia Licenciatura Universidade Federal de Alfenas UNIFAL/Alfenas ? MG. Tendo experiência na área de Geografia, Educação, Políticas Públicas e Desenvolvimento Rural. Atuando em pesquisas de estágio curricular e iniciação científica sobre os temas: Economia Rural, Geografia, Políticas Públicas, Agricultura Familiar, Transformações no espaço agrário, relações campo-cidade, políticas públicas para agricultura familiar e Desenvolvimento Rural. Associado à Associação dos Geógrafos Brasileiros (AGB). Pesquisador do Núcleo de Estudos Agrários (NEA). Pesquisador do Grupo de Estudos Regionais e Socioespaciais (GERES), Universidade Federal de Alfenas-MG. Pesquisador da Rede de Estudos Agrários (REA). Pesquisador do Grupo de Pesquisa Segurança Alimentar e Ações Institucionais, da Universidade Estadual Paulista ?Júlio de Mesquita Filho? UNESP, Jaboticabal. Vinculado ao Centro do Centro de Estudos Geográficos, Instituto de Geografia e Ordenamento do Território (IGOT), Universidade de Lisboa. Membro do Grupo de Estudos Modelação, Ordenamento e Planejamento Territorial (MOPT). Foi Representante Discente da Comissão Permanente de Pesquisa do Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE) Da Universidade Estadual Paulista ?Júlio de Mesquita Filho? UNESP/Rio Claro.

Publicado
2021-01-07
Seção
Artigos