VULNERABILIDADE AMBIENTAL NA AGRICULTURA DA CIDADE DE MANAUS/AM

  • Susianne Gomes da Conceição BERNARDES UFAM
  • Sandra do Nascimento NODA UFAM

Resumo

Esse artigo trata sobre a relação entre vulnerabilidade ambiental e agricultura, tomando como estudo de caso 10 unidades de produção de hortaliças da comunidade Cidade de Deus, localizada na zona Norte da cidade de Manaus, estado do Amazonas, Brasil. A questão-chave que conduziu esse estudo foi: Como o processo de vulnerabilidade ambiental se relaciona com a produção agrícola praticada na cidade? Pelo fato das unidades de produção agrícola se localizarem em áreas vulneráveis, partiu-se da hipótese de que haja limitação na produção de hortaliças por conta das adversidades ambientais. A pesquisa apontou que não há uma área específica em estado de vulnerabilidade ambiental, pois diferentes pontos da comunidade estão passando por situações adversas que podem modificar a estrutura do ambiente. Os principais processos de vulnerabilidade ambiental correspondem à poluição e assoreamento de cursos d.água, além da disposição inadequada de resíduos sólidos. Atreladas estão demandas como precariedade nas condições de moradia, de infra-estrutura básica e de serviços essenciais. Os resultados mostraram que o agricultor recebe pouco apoio do poder público, inclusive a nível municipal, fato que interfere na relação agricultura-ambiente. Foi importante discutir a vulnerabilidade ambiental nos espaços agrícolas, para que assim seja possível visualizar uma agricultura sustentável, especialmente na cidade. Palavras-chave: Problemas ambientais. Políticas públicas. Urbanização. Agricultores.

Biografia do Autor

Susianne Gomes da Conceição BERNARDES, UFAM
Doutoranda em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia, na Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
Sandra do Nascimento NODA, UFAM
Doutora em Ecologia e Docente da UFAM
Publicado
2013-07-14
Seção
Artigos