O ensino híbrido na literatura em tempos de pandemia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18675/1981-8106.v33.n.66.s16094

Palavras-chave:

Ensino Híbrido. Pandemia. Educação.

Resumo

A pandemia de Covid-19 impactou profundamente os mais diversos processos de reprodução social, entre eles a educação. A situação da educação e do ensino no contexto da pandemia foi radicalmente modificada com a adoção do que vem sendo chamado de ensino híbrido. O objetivo do presente artigo é investigar essa conceituação a fim de compreender o sentido em que esse conceito vem sendo assumido pela literatura especializada e por outros sujeitos individuais e coletivos envolvidos com as instituições de ensino e com a pesquisa em educação. Para tanto, as autoras realizam revisão de literatura, analisando artigos recentes que abordam os temas “ensino híbrido” e “pandemia”. Apesar de volumosa, nota-se que essa produção ainda é relativamente precária em termos de consistência teórica. Novas discussões acerca da implementação do ensino híbrido precisam ser mais bem pensadas e estruturadas, a fim de que essa modalidade venha a contribuir para a aprendizagem não apenas no momento pandêmico, mas também no acolhimento dos estudantes, que retornam depois de tanto tempo fora da sala de aula e se deparam com uma nova realidade.

Referências

ANJOS, R.; SILVA, L.; ANJOS, A. Ensino híbrido: organização e sistematização de conceitos com base em revisão sistemática da literatura. Revista Em Rede, v. 6, n. 2, 2019. Disponível em: https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/issue/view/14. Acesso em: 3 maio 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Portaria nº 544/2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais, enquanto durar a situação de pandemia do novo coronavírus - Covid-19, e revoga as Portarias MEC nº 343, de 17 de março de 2020, nº 345, de 19 de março de 2020, e nº 473, de 12 de maio de 2020. Diário Oficial da União, Brasília, 16 jun. 2020.

CHRISTENSEN, C.; HORN, M.; STAKER, H. Ensino Híbrido: uma Inovação Disruptiva? Uma introdução à teoria dos híbridos. Tradução: Fundação Lemann e Instituto Península. 2013. Disponível em: http://abre.ai/bgvJ. Acesso em: 4 maio 2021.

DE OLIVEIRA, R. M.; CORRÊA, Y.; MORÉS, A. Ensino remoto emergencial em tempos de covid-19: formação docente e tecnologias digitais. Revista Internacional de Formação de Professores, v. 5, p. e020028-e020028, 2020. Disponível em: https://periodicoscientificos.itp.ifsp.edu.br/index.php/rifp/article/view/179/110. Acesso em: 3 maio 2021.

DOS SANTOS JUNIOR, V. B.; DA SILVA MONTEIRO, J. C. Educação covid-19: as tecnologias digitais mediando a aprendizagem em tempos de pandemia. Revista Encantar-Educação, Cultura e Sociedade, v. 2, p. 1-15, 2020.

FERRARINI, R.; SAHEB, D.; TORRES, P. Metodologias ativas e tecnologias digitais: aproximações e distinções. Revista Educação em Questão, Natal, v. 57, n. 52, p. 1-30, abr./jun. 2019. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/educacaoemquestao/article/view/15762/11342. Acesso em 5 maio 2021.

MORAN, J. Metodologias ativas para uma aprendizagem profunda. In: MORAN, J.; BACICH, L. (org.). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

MORÁN, J. Mudando a educação com metodologias ativas. 2015. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4941832/mod_resource/content/1/Artigo-Moran.pdf. Acesso em: 16 abr. 2021.

MORÁN, J. O ensino híbrido: emergência ou tendência? 2021. Disponível em: http://www.gazetadopovo.com.br/vozes/educacao-e-midia/o-ensino-hibrido-emergencia-ou-tendencia/%C2%A0. Acesso em: 5 maio 2021.

MOREIRA, M. E. S. et al. Metodologias e tecnologias para educação em tempos de pandemia COVID-19. Brazilian Journal of Health Review, v. 3, n. 3, p. 6281-6290, 2020. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJHR/article/view/11584/9668. Acesso em 3 maio 2021.

OLIVEIRA, V. H. N. “O antes, o agora e o depois”: alguns desafios para a educação básica frente à pandemia de covid-19. Boletim de Conjuntura (BOCA), v. 3, n. 9, p. 19-25, 2020. Disponível em: https://revista.ufrr.br/boca/article/view/NedelOliveira/3071. Acesso em: 3 maio 2021.

PASINI, C. G. D.; CARVALHO, É.; ALMEIDA, L. H. C. A educação híbrida em tempos de pandemia: algumas considerações. OSE, Santa Maria, 2020. Disponível em: https://www.ufsm.br/app/uploads/sites/820/2020/06/Textos-para-Discussao-09-Educacao-Hibrida-em-Tempos-de-Pandemia.pdf. Acesso em: 3 maio 2021.

SANTANA, C. L. et al. Aula em casa: educação, tecnologias digitais e pandemia Covid-19. Interfaces Científicas-Educação, v. 10, n. 1, p. 75-92, 2020. Disponível em: https://periodicos.set.edu.br/educacao/article/view/9181/4130. Acesso em: 3 maio 2021.

TREVISANI, F. de M.; CORRÊA, Y. Ensino híbrido e o desenvolvimento de competências gerais da base nacional comum curricular. Revista prâksis, [S. l.], v. 2, p. 43-62, 2020. Disponível em: https://periodicos.feevale.br/seer/index.php/revistapraksis/article/view/2208/2588. Acesso em: 3 maio 2021.

Downloads

Publicado

2023-02-28

Como Citar

HARBE, R. de P. T. .; BRITO, L. R. de; BERGMANN, J. C. F. . O ensino híbrido na literatura em tempos de pandemia. Educação: Teoria e Prática, [S. l.], v. 33, n. 66, p. e10[2023], 2023. DOI: 10.18675/1981-8106.v33.n.66.s16094. Disponível em: https://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/16094. Acesso em: 19 jun. 2024.