Abordagem de Questões Sócio-Científicas Controversas no 1º Ciclo do Ensino Básico

  • Fábio Ribeiro Universidade de Aveiro, Portugal
  • Celina Tenreiro Vieira Universidade de Aveiro, Portugal
Palavras-chave: Educação em Ciências, Questões sócio-científicas, Argumentação

Resumo

Assumindo a importância da educação em ciências, desde os primeiros anos, visando a formação de cidadãos capazes de pensar e agir criticamente em situações de cariz científico-tecnológico, realizou-se um estudo com a finalidade de desenvolver situações de aprendizagem focadas em questões sócio-científicas controversas para promover a construção/mobilização de conhecimento científico e capacidades de argumentação dos alunos. O estudo enquadra-se numa metodologia qualitativa, seguindo um plano de investigação-ação. Foi realizado com uma turma do 3.º ano (8 anos), tendo sido abordadas questões sócio-científicas controversas, enquadradas em temas curriculares de ciências, recorrendo a estratégias de debate, role-play e escrita de ensaios argumentativos. Na recolha de dados usou-se um instrumento de análise das produções, orais e escritas, dos alunos. Na análise de dados, privilegiou-se a análise de conteúdo. Os resultados obtidos sugerem que os alunos mobilizaram conhecimentos científicos, evidenciando melhoria no uso eficaz de capacidades de argumentação em foco. Tal permite concluir que a abordagem de questões sócio científicas controversas contribui para a promoção da capacidade de argumentação, bem como para a contrução/mobilização de conhecimentos científicos dos alunos.

Biografia do Autor

Fábio Ribeiro, Universidade de Aveiro, Portugal
Doutorando da Universidade de Aveiro
Celina Tenreiro Vieira, Universidade de Aveiro, Portugal
Departamento de Educação da Universidade de Aveiro Área de Didática
Publicado
2014-12-18
Como Citar
RIBEIRO, F.; VIEIRA, C. T. Abordagem de Questões Sócio-Científicas Controversas no 1º Ciclo do Ensino Básico. Educação: Teoria e Prática, v. 24, n. 47, p. 97-117, 18 dez. 2014.
Seção
Artigos