Uso de casos investigativos como estratégia para promoção de uma perspectiva mais crítica de Educação Ambiental

  • Carla Andrea Moreira Universidade de São Paulo
  • Rosana Louro Ferreira da Silva Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo

Resumo

Resumo

Este artigo contempla uma parte dos estudos realizados em nossa dissertação de mestrado, em que tivemos por objetivo investigar a adoção da modalidade didática Aprendizagem Baseada em Casos como estratégia formativa para a promoção de uma abordagem mais reflexiva e crítica de Educação Ambiental. Em nossa investigação, assumimos na análise dos dados a adoção de uma perspectiva sociocultural e histórica, e optamos por interpretar nossos dados por meio de uma perspectiva qualitativa. Assumimos como norteadores das nossas análises a concepção de discurso enquanto prática social e arena ideológica dos enunciadores proposta pela teoria do enunciado do Círculo de Bakhtin e pela teoria polifônica de Ducrot. Nossas análises indicaram a potencialidade da promoção de espaços que incentivam a produção de material autoral durante processos de formação, ao agregar aspectos do repertório técnico e prático inerente ao ofício do professor (a).

Palavras-chave: Educação ambiental crítica, Formação continuada, Aprendizagem baseada em casos.

Publicado
2022-08-10
Seção
Artigos