Sexting: a espetacularização da sexualidade

Autores

  • Suzana da Conceição de Barros Universidade Federal do Rio Grande - FURG
  • Paula Regina Costa Ribeiro Universidade Federal do Rio Grande - FURG
  • Raquel Pereira Quadrado Universidade Federal do Rio Grande - FURG

DOI:

https://doi.org/10.18675/1981-8106.vol24.n45.p197-215

Palavras-chave:

Sexting, Sexualidade, Tecnologias digitais.

Resumo

O sexting é um termo que foi criado nos Estados Unidos da América, e significa envio de mensagens de conotação sexual. O sexting consiste em utilizar as diversas tecnologias digitais (celulares, internet, etc.) presentes em nossa sociedade, para expor a sexualidade. Neste texto, procuramos analisar algumas reportagens, notícias, blogs, comentários, postados na internet, a fim de investigar as enunciações sobre a espetacularização da sexualidade. Para tanto, utilizamos a internet como ferramenta para produção dos dados. Ao realizar a análise do material empírico, percebemos alguns afrouxamentos nas fronteiras entre o que é considerado de âmbito público e privado, sendo que a sexualidade vem invadindo o espaço público através do sexting. Os/As adolescentes vêm se utilizando das tecnologias digitais, para realizarem a espetacularização do eu, ou seja, para ganharem visibilidade e tornarem-se a personalidade do momento. Junto a isso vem crescente o número de sujeitos que se preocupam em examinar e esquadrinhar a vida alheia. Consideramos importante centrarmos os estudos no sexting, pois entendemos que é uma prática recente, que vem se instalando em nossa sociedade e que vem trazendo algumas reconfigurações no entendimento de sexualidade.

Biografia do Autor

Suzana da Conceição de Barros, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Mestre em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde e doutoranda do mesmo Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal do Rio Grande - FURG.

Paula Regina Costa Ribeiro, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Doutora em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Professora Associado III da Universidade Federal do Rio Grande - FURG.

Raquel Pereira Quadrado, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Doutora Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde pelo Programa de Pós-graduação da Universidade Federal do Rio Grande - FURG. Professora Adjunta I da Universidade Federal do Rio Grande.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2014-04-09

Como Citar

BARROS, S. da C. de; RIBEIRO, P. R. C.; QUADRADO, R. P. Sexting: a espetacularização da sexualidade. Educação: Teoria e Prática, [S. l.], v. 24, n. 45, p. 197–215, 2014. DOI: 10.18675/1981-8106.vol24.n45.p197-215. Disponível em: https://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/7394. Acesso em: 22 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos