Educação profissional integrada ao ensino médio no Paraná: limites e possibilidades

  • Eliane Cleide da Silva Czernisz Universidade Estadual de Londrina
  • Marci Batistão Universidade Estadual de Londrina.
Palavras-chave: Política educacional, educação profissional, ensino médio, currículo.

Resumo

Este texto analisa a integração do ensino médio à educação profissional, desenvolvida pelo Estado do Paraná no período de 2003 a 2010. Os argumentos apresentados foram obtidos a partir de discussão bibliográfica e análise de documentos e legislação da educação, que fundamentam também as questões relativas ao sentido assumido pelo currículo para o processo de integração da educação profissional ao ensino médio no Paraná. A análise realizada permite observar que os percalços que se apresentaram durante tal processo indicam divisões e antagonismos que se encontram na base da organização da sociedade capitalista e, por isso mesmo, representam importante complexidade. Também possibilita o entendimento da constante necessidade de reflexão acerca dos limites e possibilidades da educação profissional integrada ao ensino médio como uma questão imprescindível a um país que busca o desenvolvimento, mas que tem, fundamentalmente, o dever de pensar na melhoria das condições de vida dos trabalhadores garantindo-lhes a formação profissional como direito social.

Biografia do Autor

Eliane Cleide da Silva Czernisz, Universidade Estadual de Londrina
Professora do Curso de Pedagogia - Área Política e Gestão da Educação e do Programa de Mestrado em Educação - Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina.
Marci Batistão, Universidade Estadual de Londrina.
Mestre em Educação pela Universidade Estadual de Londrina. Docente do Curso de Pedagogia - Área de Política e Gestão do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Londrina
Publicado
2015-08-31
Seção
Artigos