COMPETÊNCIAS DE ESTUDO E ADAPTAÇÃO ACADÊMICA – ESTUDO CORRELACIONAL ENTRE MEDIDAS

Palavras-chave: Ensino Superior. Competências de Estudo. Adaptação Acadêmica.

Resumo

Os estudantes devem ter competências de estudo para atender às muitas demandas de adaptação à nova etapa de estudos no ensino superior. Nesse sentido, este artigo tem como objetivo geral investigar as relações entre as competências de estudos e a adaptação acadêmica por meio de instrumentos. Participaram 464 estudantes de seis cursos de graduação de uma universidade particular do Sul de Minas Gerais. Foram utilizados a Escala de Avaliação de Competências de Estudos (ACE) e o Questionário de Adaptação Acadêmica ao Ensino Superior (QAES). Os resultados mostraram correlações entre os fatores e os totais das médias obtidas pelos participantes nos dois instrumentos, em sua maioria de fracas a moderadas. Espera-se que esses resultados possam auxiliar na reflexão tanto por parte dos alunos como das instituições para que se estabeleçam programas de auxílio aos estudantes.

Referências

ALMEIDA, L. S; JOLY, M. C. R. A. Avaliação de Competências para Estudo. Teste em construção. Universidade do Minho (Portugal)/ Universidade de Brasília, 2016.

ARAÚJO, A. M.; ALMEIDA, L. S. Adaptação ao ensino superior. O papel moderador das expectativas acadêmicas. Educare, Revista Cientifica de Educação. v. 1, n. 1, p. 13-32, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.19141/2447-5432/lumen.v1.n1.p.13-32

ARAÚJO, A. M. et al. Questionário de adaptação ao ensino superior (QAES): Construção e validação de um novo questionário. Psicologia, educação e cultura. Portugal: Instituto Superior Politécnico Gaya. 2014.

ARAÚJO A. M.; ALMEIDA L. S. Adaptação ao ensino superior: O papel moderador das expectativas acadêmicas. Educare, v. 1, n. 1, p. 13-32, 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.19141/2447-5432/lumen.v1.n1.p.13-32

ARAÚJO, A. M. et al. Dificuldades antecipadas de adaptação ao ensino superior: um estudo com alunos do primeiro ano. Revista de Estudios e Investigación em Psicología y Educación, v. 19, n. 2, p. 102-111, 2016. Disponível em: https://core.ac.uk/download/pdf/76178187.pdf. Acesso em: 14 nov. 2019.

BANDURA, A. Social Cognitive Theory: an agentic perspective. Annual Reviews Psychologist, v. 52, n. 1, p. 2-18, 2001. Disponível em: https://doi.org/10.1146/annurev.psych.52.1.1. Acesso em: 14 nov. 2019.

BORUCHOVITCH, E. Estratégias de aprendizagem e desempenho escolar: considerações para a prática educacional. Psicologia, Reflexão e Crítica, v. 12, n. 2, p. 361-376, 1999. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79721999000200008. Acesso em: 14 nov. 2019.

CUNHA, S. M.; CARRILHO, D. M. O processo de adaptação ao ensino superior e o rendimento acadêmico. Revista Escolar e Educacional. v. 9, n. 2, p. 215-224, 2005. Disponível em: https://www.redalyc.org/articulo.oa?id=282321816004. Acesso em: 14 nov. 2019.

CUNHA, L. C.; MARQUES, L.; BIAVATTI, V. T. Adaptação ao ambiente do ensino superior: percepção dos alunos do curso de ciências contábeis. Revista Mineira de Contabilidade, Belo Horizonte, v. 18, n. 1, jan./abr. de 2017. Disponível em: http://revista.crcmg.org.br/index.php?journal=rmc&page=article&op=view&path%5B%5D=366&path%5B%5D=420. Acesso em: 6 nov. 2019.

CUNHA L. C.; MARQUES, L.; BIAVATTI, V. T. Adaptação ao ambiente do ensino superior: percepção dos alunos do curso de ciências contábeis. Revista Mineira de Contabilidade, Belo Horizonte, v. 18, n. 1, jan./abr. de 2017. Disponível on-line em http://revista.crcmg.org.br. Acesso em: 14 nov. 2019.

DANCEY, C. P.; REIDY, J. Estatística sem matemática para psicologia. Porto Alegre: Artmed, 2006.

DIAS, A. S.; JOLY, M. C. R. A. Habilidades cognitivas para competências de estudo. Manuscrito não publicado fornecido pela 2ª autora. 2016.

FERREIRA, J. A.; ALMEIDA, L. S.; SOARES. A. P. Adaptação acadêmica em estudantes do 1º ano: diferenças de gênero, situação de estudante e curso. Psico-USF. v. 6, n. 1, p. 1-10, 2001. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/psicousf/v6n1/v6n1a02.pdf. Acesso em 14 nov. 2019.

GOMES, G.; BENEVIDES-SOARES, A. Inteligência, habilidades sociais e expectativas acadêmicas no desempenho de estudantes universitário. Psicologia: Reflexão e Crítica, v. 26, n. 4, p. 780-789, 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722013000400019. Acesso em: 14 nov. 2019.

JOLY, M. C. R. A. et al. Competência de estudo para uma amostra universitária da área de exatas. Psicologia Escolar e Educacional, v. 19, n. 1, p. 23-29, 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/pee/v19n1/2175-3539-pee-19-01-00023.pdf. Acesso em: 14 nov. 2019.

MARINI, J. A. S.; BORUCHOVITCHI, E. Estratégias de aprendizagem de alunos brasileiros do ensino superior: considerações sobre adaptação, sucesso acadêmico e aprendizagem autorregulada. Revista Eletrônica de Psicologia, Educação e Saúde, v. 1, n. 4, p. 102-126, 2014. Disponível em: https://revistaepsi.com/wp-content/uploads/artigos/2014/Ano4-Volume1-Artigo5.pdf. Acesso em: 14 nov. 2019.

MATTA, C. M. B.; LEBRÃO, S. M. G.; HELENO, M. G. V. Adaptação, rendimento, evasão e vivências acadêmicas no ensino superior: revisão da literatura. Psicol. Esc. Educ. [online]. v. 21, n. 3 p. 583-591, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572017000300583&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 6 nov. 2019.

OLIVEIRA, C. T.; DIAS, A. C. G. Dificuldades na trajetória universitária e rede de apoio de calouros e formandos. Revista PSICO, v. 45, n. 2, p. 187-197, 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1980-8623.2014.2.13347.

PETERSON, R. A. A meta-analysis of Cronbach’s coefficient alpha. Journal of. Consumer Research, v. 21, n. 2, p. 381-391, 1994. Disponível em: https://econpapers.repec.org/article/oupjconrs/v_3a21_3ay_3a1994_3ai_3a2_3ap_3a381-91.htm. Acesso em 14 nov. 2019.

QUERO VIRLA, M. Confiabilidad y coeficiente Alpha de Cronbach. Telos Universidad Privada Dr. Rafael Belloso Chacín, v. 12, n. 2, p. 248-252, 2010. Disponível em: Disponible en: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=99315569010. Acesso em 14 nov. 2019.

RIBEIRO, I. S.; SILVA, C. F. Auto-regulação: diferenças em função do ano e área em alunos universitários. Psicologia: Teoria e Pesquisa. v. 23, n. 4, p. 443-448. 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ptp/v23n4/10.pdf. Acesso em: 14 nov. 2019.

ROSÁRIO, P. S. L. F. et al. Processos de autorregulação da aprendizagem em alunos com insucesso no 1º ano de Universidade. Psicologia Escolar e Educacional, v. 14, n. 2, p. 349-358, 2010. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-85572010000200017. Acesso em: 14 nov. 2019.

SANTOS, A. A. A. et al. lntegração ensino superior e satisfação acadêmica em universitários. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 33, n. 4, p. 780-793, 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1414-98932013000400002. Acesso em: 14 nov. 2019.

SOARES, A. B.; BALDEZ, M. O. M.; MELLO, T. V. S. Vivências acadêmicas em estudantes universitários do estado do Rio de Janeiro. Interação em Psicologia. v. 15, n. 1, p. 59-69. 2011. DOI: http://dx.doi.org/10.5380/psi.v15i1.16049.

SOARES, A. B.; POUBEL, L. N.; MELLO, T. V. S. Habilidades sociais e adaptação acadêmica: um estudo comparativo em instituições de ensino público e privado. Aletheia, n. 29, p. 27-42, 2009. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-03942009000100004&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 14 nov. 2019.

TOMÁS, R. A, et al. Adaptação pessoal e emocional em contexto universitário: o contributo da personalidade, suporte social e inteligência emocional. Revista Portuguesa de Pedagogia. v. 48, n. 2, p. 87-107, 2014. Disponível em: https://impactum-journals.uc.pt/rppedagogia/article/view/2323/1521. Acesso em: 14 nov. 2019.

ZIMMERMAN, B. J. Achieving self-regulation. In: PAJARES, F.; URDAN, T. (org.), Adolescence and education, 2, Academic motivation of adolescents. Greenwich, CT: Information Age Publishing, 2002, p. 1-27.

ZIMMERMAN, B. J. Investigating self-regulation and motivation: Historical background, methodological developments, and future prospects. American Educational Research Journal, v. 45, n. 1, p. 166-183, 2008. Disponível em: https://doi.org/10.3102/0002831207312909. Acesso em: 14 nov. 2019.

ZIMMERMAN, B. J. From Cognitive Modeling to Self-Regulation: A Social Cognitive Career Path. Educational Psychologist, v. 48, n. 3, p. 135-147, 2013. Disponível em: https://doi.org/10.1080/00461520.2013.794676. Acesso em: 14 nov. 2019.

Publicado
2020-11-03