Responsabilização ou controle da qualidade do ensino: a que serve a avaliação externa?

Autores

  • Cristiane Machado UNICID - Universidade Cidade de São Paulo
  • Ocimar Munhoz Alavarse Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.18675/1981-8106.vol25.n48.p67-79

Palavras-chave:

avaliação externa, responsabilização, qualidade, aprendizagem.

Resumo

No Brasil, assim como em outros países, constata-se a consolidação das avaliações externas como iniciativas de políticas educativas governamentais, tendo como principal objeto o desempenho de alunos em leitura e resolução de problemas. Seus resultados, também, têm servido de base para avaliação de escolas e professores, incluindo políticas de bonificação. Nesse sentido, ao identificar a qualidade do desempenho dos alunos em provas padronizadas como responsabilidade quase que exclusiva das equipes escolares a avaliação externa torna-se uma política de accountability, ou seja, de responsabilização. Contudo, pondera-se neste trabalho, que os resultados das avaliações externas permitem, por outro lado, estabelecer um controle da qualidade do ensino, no sentido de acompanhamento da aprendizagem dos alunos e do trabalho desenvolvido pelas equipes escolares.

Biografia do Autor

Cristiane Machado, UNICID - Universidade Cidade de São Paulo

Docente do Mestrado em Educação e do Mestrado Profissional em Formação de Gestores na UNICID - Universidade Cidade de São Paulo. Pesquisadora no Gepave - Grupo de Estudos e Pesquisas em Avaliação Educacional, da Faculdade de Educação da USP - Universidade de São Paulo. Desenvolve pesquisas relacionadas aos temas Avaliação Educacional, Política Educacional, Gestão Educacional e Escolar e Formação Docente. Doutora em Educação pela USP - Universidade de São Paulo (2003), Mestre em Educação pela UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas (1995) e Bacharel e Licenciada em Ciências Sociais pela PUC Campinas - Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1991).

Ocimar Munhoz Alavarse, Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

Licenciado em Pedagogia pela Universidade Federal de São Carlos-SP (1984), Mestre (2002) e Doutor (2007) em Educação pela Universidade de São Paulo. Atualmente é professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, onde coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas em Avaliação Educacional (Gepave) Atua principalmente nos seguintes temas: ciclos, progressão continuada, avaliação educacional e gestão educacional.

Downloads

Publicado

2015-04-29

Como Citar

MACHADO, C.; ALAVARSE, O. M. Responsabilização ou controle da qualidade do ensino: a que serve a avaliação externa?. Educação: Teoria e Prática, [S. l.], v. 25, n. 48, p. 67–79, 2015. DOI: 10.18675/1981-8106.vol25.n48.p67-79. Disponível em: https://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/7856. Acesso em: 17 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos